Idosa tem costela fissurada depois de ser atropelada por 'pelúcia motorizada' em shopping

Idosa tem costela fissurada depois de ser atropelada por 'pelúcia motorizada' em shopping
Uma idosa aposentada de 78 anos foi atropelada por uma pelúcia motorizada, na tarde do último domingo (28). O acidente aconteceu no Shopping Total, em Porto Alegre. Com o golpe, Maria Elisa Pinheiro Raimundo caiu e teve uma costela fissurada, além de ferimentos no joelho. Segundo informações do jornal Zero Hora, as filhas da idosa registraram a ocorrência na terça-feira (30) e relataram que uma mulher, também idosa, pilotava o quadriciclo e deixou o local sem prestar socorro. Uma das filhas, a professora Valéria Pinheiro Raimundo, de 52 anos, explicou que foram até o quiosque tentar descobrir quem havia alugado o brinquedo, quando descobriram que não havia registro. "Era só pagar R$ 12 e sair andando", criticou Valéria. A família ressalta que o shopping deveria delimitar uma área específica para a circulação desses brinquedos com o objetivo de evitar situações como essa. "Estava vendo uma vitrine com minha filha e, quando fui dobrar a esquina, esse bicho me acertou nas costas. Me desequilibrei e meu pé prendeu embaixo dele. Acabei caindo de joelhos. A batida foi muito forte. Sorte que não com a cabeça, senão poderia ter sido ainda pior", contou Maria Elisa ao jornal.
Já o funcionário da Safari Tour, que opera os quadriciclos, afirmou que quando a mulher devolveu o brinquedo, ela revelou que havia atingido uma pessoa, mas tinha pressa, pois seu filho a esperava. A idosa foi atendida por uma equipe de bombeiros socorristas do shopping e levada para o Hospital de Pronto Socorro (HPS). Diante desse quadro, o delegado Hilton Müller informou que o caso será remetido como lesão corporal culposa, quando não há intenção de machucar, para Central de Termos Circunstanciados, que investiga crimes considerados de menor potencial ofensivo. De acordo com a publicação, a família pretende processar os responsáveis pelo caso, já que tiveram que arcar com os custos médicos.