Esposa de Funaro confirma à Polícia Federal pressão de Geddel em ligações

Esposa de Funaro confirma à Polícia Federal pressão de Geddel em ligações
Foto: Reprodução / JF
A esposa do corretor Lúcio Funaro, Raquel Pitta, confirmou em depoimento à Polícia Federal que o ex-ministro Geddel Vieira Lima a pressionou durante ligações telefônicas. A postura do peemedebista teria como objetivo evitar que Funaro fizesse acordo de delação premiada. O depoimento foi prestado na última sexta-feira (7). Geddel Vieira Lima está preso desde o último dia 3, acusado de tentar obstruir a Operação Lava Jato. O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília e responsável pela prisão do ex-ministro, solicitou o depoimento de Raquel durante audiência de custódia em que manteve a prisãod e Geddel. "Não tenho elemento para dizer nesse momento que não há indício de crime. Vallisney também pediu à Polícia Federal uma perícia no aparelho celular no qual Raquel recebeu a ligação - trabalho ainda não concluído.