NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

domingo, 28 de outubro de 2018

Motorista que prendeu perna de passageira em porta de coletivo presta depoimento "Ela chutou a porta do coletivo"

Resultado de imagem para MOtorista diz que foi a passageira que chutou a porta do coletivo
O motorista Carlos Magno Ribeiro, suspeito de prender a perna de uma passageira a porta de um ônibus do consórcio integra, ha duas semanas, na Barra, em Salvador, afirmou a polícia civil que não teve a intenção de machucar a vítima.

A vendedora Karol Ferro, 23 anos, que estava a caminho do trabalho, teve a perna presa por cerca de 10 minutos, segundo a polícia civil. Em depoimento prestado na decima quarta delegacia (Barra), ontem, Carlos disse que, após se negar a parar o ônibus fora do ponto, Karol se direcionou a parte traseira, chutou a porta do coletivo e, por isso prendeu a perna.

 O motorista confirmou, no entanto, que não acionou o botão de abertura da porta traseira do veículo, que fazia linha Pituba Campo Grande R2.

"Eu falei: Não vou abrir aqui, porque não é ponto e a empresa não permite que a gente abre a fora. Eu achei melhor não abrir, para ela não cair e causar um problema maior", desse Carlos, após depoimento de uma hora e meia.

Ele está afastado da função. Responsável pelas investigações a delegada Carmem Dolores acredita que o motorista tinha que ter aberto a porta para a Karol. Ela disse que o caso é configurado como um crime de menor potencial ofensivo lesão corporal.

O Motorista vai responder a um termo circunstanciado TC. Após análise do exame de corpo de delito da vítima e das imagens do coletivo a justiça vai decidir se o motorista vai ser julgado pelo código penal ou pelo código de trânsito.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU