NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Moema Gramacho rebate acusador de plantão e sem nenhuma razão.

Quem está repercutindo esta matéria tenta induzir a que seja matéria nova e que se refira a corrupção e o faz de má fé, porque já foram feitos vários esclarecimentos anteriormente.
A matéria é de 2016.
Basta ler o texto da matéria pra ver que está claro que não se trata de desvio de recursos, nem de corrupção.
Foi um “Termo de Ocorrência” lavrado pelo TCM em 2011, sobre pagamento de salários de 4 Secretários Municipais que estavam disponibilizados dos seus órgãos Federais ou Estaduais, via Convênios e que o pagamento pela Prefeitura ficava maior que o dos outros Secretários contratados diretamente, porque a PMLF não pagava pro Secretário e sim para os seus órgãos com todos os direitos garantidos pela entidade de origem, conforme contrato aprovado pelas Procuradorias das 2 entidades: PMLF e CEF ou UFBA ou outro órgão.
Entramos na Justiça contra a posição do TCM e vencemos por unanimidade. E tivemos nossas 8 contas das 2 primeiras gestões APROVADAS pelo TCM e pela Câmara Municipal. Por isso pude ser candidata à Deputada Federal e à Prefeita e ganhei as duas eleições sem problemas. O fato do TCM apontar susposta irregularidade não significa que já é definitiva.
Nenhuma das irregularidades apontadas até hoje pelo TCM contra minhas gestões foram confirmadas. Algumas, o próprio TCM reconheceu depois e mudou de posição e outras provamos na Justiça.
Não adianta querer tentar desgastar minha imagem. Tenho 40 anos de vida pública e sempre prezei pela moralidade com a coisa pública, não vai ser repetindo várias vezes essas ilações que conseguirão se cacifar pras próximas eleições.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU