NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Engenheiros que atestaram segurança de barragem estão em presídio, na Grande BH

                            Resultado de imagem para ENGENHEIROS ESTÃO EM PRISÃO DE ALTA SEGURANÇA
Os dois engenheiros presos em São Paulo e trazidos para Belo Horizonte, foram levados na noite desta terça-feira (29) para a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A informação é da Secretaria de Estado de Administração prisional de Minas Gerais (Seap).

Além dos dois consultores terceirizados, os três funcionários da Vale presos na mesma operação também foram levados para o presídio de segurança máxima do estado. Eles são investigados por suspeita de fraude nos documentos que liberaram o funcionamento da barragem.

Engenheiros presos
André Yassuda - engenheiro, preso em SP
Makoto Mamba - engenheiro, preso em SP
Funcionários presos
Cesar Augusto Paulino Grandchamp - geólogo da Vale, preso em MG
Ricardo de Oliveira - gerente de Meio Ambiente Corredor Sudeste da Vale, preso em MG
Rodrigo Artur Gomes de Melo - gerente executivo do Complexo Paraopeba da Vale, preso em MG
Atestado de segurança
Segundo investigadores, os engenheiros presos em São Paulo participaram de forma direta e atestaram a segurança da barragem número 1 da Mina do Feijão, que se rompeu em Brumadinho.

Os engenheiros Makoto Manba e André Yassuda foram presos em São Paulo, nos bairros de Moema e Vila Mariana, Zona Sul. Eles foram levados para a sede da Polícia Civil e deverão ser encaminhados em seguida para Minas Gerais, após embarcarem no Aeroporto Campo de Marte, na Zona Norte.

Na casa de Manba, chamou a atenção dos investigadores o fato de haver vários recortes de jornal com informações sobre a tragédia de 2015 de Mariana, da Samarco. Também foram identificados cartões de crédito, computadores e extratos de contas bancárias no exterior.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU