NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

terça-feira, 7 de maio de 2019

Saiba quando a depressão se esconde atrás de um sorriso e veja onde buscar tratamento

               
Um fato que chocou os internautas no último domingo (05) foi a morte da Miss Ilhéus 2018, Gabriela Viegas, que foi encontrada morta no último sábado (04), depois de pular da janela com um cinto amarrado no pescoço.

Gabriela tinha todos os atributos que são considerados de uma pessoa feliz nas redes sociais: Jovem, bonita, estudante de medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e tinha começado um noivado há um ano.

Por trás do sorriso nas selfies, Gabriela sofria de um mal que atinge 11,5 milhões de brasileiros, segundo os dados mais recentes divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS): a depressão.
              
Em abril desse ano, outro fato surpreendeu os internautas de todo o país. Um dos humoristas mais famosos no Brasil e o quarto YouTuber mais rico do mundo, segundo o site Jetss Brasil, Whindersson Nunes deu a declaração mais polêmica da carreira dele: “Não sinto tanta vontade de viver”, desabafou o artista, ao comunicar aos fãs que iria iniciar um tratamento contra a depressão.

Assim como Whindersson, outros famosos também revelaram que já sofreram da doença, a exemplo da cantora Paula Fernandes, da musa fitness Juju Salimeni e do padre Fábio de Melo.

Mal silencioso – Vista como uma doença que deixa a pessoa cabisbaixa, a depressão muitas vezes se esconde em uma personalidade aparentemente alegre.

A nutricionista L.M., de 35 anos, conta que convive com a depressão há quatro anos, desde que foi diagnosticada.

“Sempre senti uma tristeza profunda. Não sei na verdade quando essa sesação começou, mas só decidi procurar ajuda quando estava insustentável”, lembra, em entrevista ao Varela Notícias.

“Certo dia estava viajando com minha família, em um lugar paradisíaco. Estava um dia lindo de sol, tudo estava bem, mas eu só tinha vontade de chorar. Sentia um aperto no peito. Não havia motivo aparente para aquela tristeza”, descreveu.

Segundo a terapeuta transpessoal, Vera Eça, a depressão não está ligada ao fato da pessoa ter dinheiro ou saúde. “Trata-se de um problema químico do cérebro. É um assunto muito sério já que, se não for tratado, leva a pessoa morrer”, alertou.

Segundo a especialista, a depressão apresenta alguns sintomas como a perda de apetite, ou apetite excessivo, perda da libido, perda da vontade de sair e aumento da sensibilidade. “Muitas vezes a pessoa com depressão chora fácil. Em alguns casos a família até colabora para a piora do quadro, pois não aceita o fato e diz frases preconceituosas como: ‘você tem tudo’, ‘eu paguei para você viajar’”, destacou.

A recomendação é buscar tratamento o mais rápido possível, para tentar entender as causas e ressignificar possíveis traumas. Em alguns casos, além da terapia, feita com psicólogos ou terapeutas, é preciso utilizar medicamentos que devem ser recomendados apenas por um médico psiquiatra.
                 
Saiba onde procurar ajuda em Salvador:

Centro de Valorização da Vida (CVV)

188

Luis Gama n° 47 – Nazaré – Tel.: 3322-4111 / 3244-6936

Atendimento por telefone 24 horas e pessoalmente das 7h às 18h.



Núcleo de Atendimento Psicológico (NAPSI)

Av. Ademar de Barros, 343 Ed. Julio Call, sala 108 – Tel.: 3247-5020

Psicodiagnóstico, psicoterapia, orientação profissional, psiconcologia



Centro de Estudos de Família e Casal (CEFAC)

Pq Lucaia, Ed. WM – Tel.: 3334-3150

Psicoterapia individual, conjugal e familiar



Centro Comunitário Batista Cleriston Andrade (CECOM)

Rua Lord Cockrani, Garibaldi – Tel.: 3235-8114.

Atendimento individual e em grupo



Círculo

Rua Ademar de Barros, Ondina. Tel.: 3245-6015



Complexo Comunitário Vida Plena (CCVP)

Rua Artur Gonzales (fim de linha de Pau da Lima)



Projeto Atender (SABBA)

Av. Paulo VI n° 355 sala 402 – Pituba. Tel.: 3240-6303

Tel.: 3240-6303



Centro de Orientação Familiar (COFAM)

Av. Joana Angélica n° 79, Pavilhão Julia Carvalho, Internato Nossa Sra. de Misericórdia – Pupilleira. Tel: 3242-5959.

Atendimento de psicoterapia individual e em grupo uma vez ao mês. Não cobra taxa



Lar Harmonia

Rua Dep. Paulo Jacson n° 560 – Piatã. Tel.: 3286-7796, ramal 119

Psicoterapia individual, em grupo, familiar e orientação profissional. Não cobra taxa



Núcleo de Psicologia Pablo Duram

Centro Espírita Cavaleiros da Luz, Pituaçu.

Atendimento para as pessoas de Pituaçu e Boca do Rio

Tel.: 3363-5538/5161



Faculdades:

BAHIANA

Av. Dom João VI n° 275 – Brotas. Tel.: 3276-8259

Cadastro por telefone em janeiro e em junho. Não é cobrada taxa



UNIFACS – NEPPSI

Rua Ponciano de Oliveira n° 126, 1º andar.

Av. Anita Garibaldi, Rio Vermelho. Tel.: 3330-4677 / 4678

Cadastro por telefone. Psicoterapia individual, grupal e familiar



FTC

Av. Luis Viana Filho, n° 8812, Paralela. Tel.: 3281-8073

Cadastro por telefone. A taxa varia de acordo com o paciente. Psicoterapia individual, grupal e familiar



UNIJORGE

Av. Luis Viana Filho, n° 6775, Paralela. Tel.: 3206-8015 / 3534-8000.

Cadastro por telefone



Instituto Multidisciplinar de Assistência à Saúde (IMAS) do Centro Universitário Jorge Amado

Av. Edgard Santos, s/nº – Narandiba – Salvador. Tel.: (71) 3103-3900.



UFBA

Estrada de São Lázaro n° 170, São Lázaro – Tel.: 3235-4589

Cadastro por telefone no inicio de cada semestre. Psicoterapia e Orientação Profissional



Ruy Barbosa

Rua Theodomiro Batista, n° 422 – Rio Vermelho. Tel: 3334-2021 / 3205-1745

Psicoterapia individual, grupal, familiar e orientação profissional



Faculdade da Cidade de Salvador

Praça da Inglaterra, Comércio. Tel.: 3254-6916

Serviços: Psicoterapia individual e em grupo para crianças, adolescentes e adultos



Faculdade Castro Alves

Rua Marechal Andréa, 342, térreo, Pituba. Tel.: 3344-2585

Serviços: Psicoterapia individual para crianças, adolescentes e adultos

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU