NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

sexta-feira, 5 de julho de 2019

Ronda Maria da Penha de Lauro de Freitas realiza mais de 300 atendimentos em um ano




Criada em junho de 2018, a Ronda Maria da Penha de Lauro de Freitas já realizou mais de 300 atendimentos a mulheres com medida protetiva decretada pela Justiça. Lauro de Freitas foi o primeiro município da Região Metropolitana a criar o programa e a primeira cidade a implantar uma Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres do país.
Para comemorar um ano de bons resultados da Ronda, a equipe comandada pela tenente da Polícia Militar, Luana Queiroz, realizou na tarde desta quarta-feira (3), uma comemoração simbólica, na sede da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres (SPM), em Vilas do Atlântico, para apresentar o balanço das ações.
Segunda a tenente Queiroz, além dos atendimentos, são realizados contatos telefônicos com as mulheres, palestras e eventos educativos e informativos em escolas, órgãos públicos e privados.
“Hoje nós temos 82 mulheres assistidas, a equipe acompanha as que solicitam, nas delegacias, Defensoria Pública e nas audiências na justiça, realizamos oito cumprimentos de ordem judicial, três prisões, uma preventiva e a apreensão de uma réplica de arma de fogo”, relata o comandante da 52ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), de Lauro de Freitas, major Fabrício Silva.
Para a prefeita Moema Gramacho é um momento de muita comemoração. “Estamos vivendo um período de retrocessos e aumento do feminicídio no país, e comemorar um ano de bons resultados de um programa que defende as mulheres é muito importante, isso graças à parceria com o Governo do Estado e a Polícia Militar. Só temos que agradecer a sensibilidade e compromisso do governador Rui Costa com as questões das mulheres”.
Ronda Maria da Penha
Foi criada pelo Governo do Estado em 2015, com a assinatura de um termo de cooperação técnica entre as secretarias estaduais de Políticas para as Mulheres (SPM-BA) e de Segurança Pública (SSP), Defensoria Pública, Ministério Público e Tribunal de Justiça da Bahia.  Reconhecido nacionalmente o programa presta assistência às mulheres baianas com medida protetiva decretada pela Justiça.
Também participaram do evento a vereadora Naide Brito, representantes da 2ª Vara Criminal de Lauro de Freitas, advogados criminalistas especializados em violência contra a mulher e da OAB do município.

Jornalista Danilo Magalhães
Foto Danilo Magalhães
ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas
03/07/2019
71 32888371

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU