NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

JUBs 2019 chega ao final marcada pelo nível técnico dos atletas

O futsal feminino da Bahia fechou em grande estilo sua participação nos Jogos Universitários Brasileiros com a conquista da medalha de bronze. Em um jogo bastante disputado no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras, as atletas da FTC Bahia disputaram a medalha jogando contra a FMN, do Amazonas e ganhando no tempo regulamentar por 1 a 0.

Nessa modalidade esportiva, a equipe Unip, de São Paulo, conquistou o ouro e a prata ficou com da Uniplac, de Santa Catarina. Apesar de ter a seu favor a jogadora Amandinha, eleita por cinco vezes a melhor do mundo no futsal, as catarinenses não conseguiram, na partida final, vencer a superioridade da equipe paulista, perdendo o jogo por 6 a 0.

Após sete dias de intensas atividades e competições, a 67ª edição dos JUBs, sediados na Bahia, chegou ao final neste domingo (27). Muitos dos 2.500 atletas dos 26 estados brasileiros mais o Distrito Federal que aqui estiveram disputando 13 modalidades esportivas já começam a voltar aos seus estados de origem.

As delegações ocuparam 16 hotéis da cidade desde segunda-feira (21), sendo o ponto central o Hotel Stella Mares, onde foi montada a área de convivência, com jogos e muita música, além de ser o local onde foi servido o almoço e janta.


Delegação baiana

A Bahia conquistou 15 medalhas nessa etapa final dos JUBs, sendo 02 de ouro (judô e natação), 02 de prata (karatê) e 11 medalhas de bronze (karatê, judô, futebol eletrônio/Fifa e futsal feminino). O resultado deste ano é 400% superior ao ano passado, quando a delegação baiana conquistou apenas três medalhas de bronze com as modalidades de natação (duas) e judô (uma).Veja ganhadores  de 2019 na lista publicada abaixo deste texto.

“O sentimento é de missão cumprida com louvor. Os JUBs chegam ao final coroado de êxito no quesito organização e no nível técnico dos atletas. É gratificante para nós, do Governo do Estado e todas as demais instituições envolvidas com esse evento, chegar ao final e saber que tudo transcorreu muito bem e como ótima avaliação, de atletas e dos dirigentes da CBDU”, disse Vicente Neto, diretor geral da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia, autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte.

O gestor lembra que o trabalho de preparação para receber a etapa final dos JUBs iniciou desde maio último, quando foi instalado o Comitê Organizador Local com envolvimento de várias secretarias do Estado, instituições de ensino, como UFBA e FTC, e entidades como a Federação Universitária Baiana de Esporte (Fube) e o Conselho de Educação Física.

“Chegamos ao final do JUBs e constatamos que todos saíram daqui bastante satisfeitos, técnicos, atletas, dirigentes. Os JUBs Bahia tiveram uma dinâmica diferente. A cidade é grande, com um trânsito intenso, mas também tem muitos atrativos. O boulevard montado para os atletas na beira da praia foi um dos destaques, porque puderam também desfrutar da cidade e não apenas da competição. Criou um clima muito bom, um clima que tem a cara da Bahia, não podíamos esperar diferente desse espírito de alegria, de muita festa, muita amizade. Então, a CBDU sai satisfeita”, avaliou o diretor da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), responsável pelo evento.

Na sua opinião, foi um grande desafio, pois foram 51 anos sem JUBs na Bahia. “Podemos dizer que cumprimos o papel de trazer de volta o esporte universitário para cá”, afirma Cabral.

Para realizar os JUBs na Bahia, a CBDU teve o apoio do Governo do Estado, por meio da Setre e sua autarquia Sudesb, e Secretaria da Educação e Saúde.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU