NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Inclusão de educandos com deficiência representa avanço da cultura e políticas públicas da escola

A Secretaria Municipal de Educação de Lauro de Freitas (Semed) celebra o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência (PcD), nesta terça-feira, 03/12, com resultados positivos. Na rede municipal de ensino estão matriculados 756 educandos com diferentes tipos de deficiências como motoras, autismo, síndrome de Down, múltiplas deficiências, entre outras.
Na escola, esses educandos desenvolvem as mesmas atividades que os outros estudantes, frequentando as turmas regulares. Desse modo, o município garante o acesso igualitário à educação a PcD, conforme determinam a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (9394/96) e o Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146).
Os professores que ministram aulas nessas turmas têm o apoio dos cuidadores. Estes profissionais, contratados pela Semed, desenvolvem funções específicas junto ao processo educacional que envolve os PcD. Os cuidadores devem compreender os ritmos e limites do aluno; agir pedagogicamente em seu acompanhamento, durante os exercícios; ficar atentos a aspectos como recomendações médicas, bem estar físico e à autorização dos pais para o consumo da merenda escolar.
O cuidador deve informar aos professores sobre as dificuldades observadas nos alunos, facilitar sua inclusão no ambiente escolar e ajudá-lo na locomoção, alimentação e realização da higiene pessoal, além de mediar as suas atividades escolares. Este ano, a Semed promoveu a qualificação desses profissionais, trabalhando temáticas como relações interpessoais com o deficiente na escola, produção de conhecimentos nas relações espaço, casa, escola. Também houve discussões sobre o papel do cuidador, legislações, ética profissional e vínculos entre o educando e o cuidador.
A rede municipal de ensino de Lauro de Freitas também conta com 11 salas de recursos multifuncionais, que têm funções de complementar e suplementar os processos pedagógicos desenvolvidos com os educandos com deficiência. Segundo a secretária municipal de Educação, Vânia Galvão, “essas ações representam a evolução e desenvolvimento da cultura e das políticas educacionais do município, promovendo novas práticas de ensino e novas formas de interação na escola, nas quais a garantia do direito a todos à educação e respeito às diferenças são elementos fundamentais”.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU