NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

sábado, 14 de dezembro de 2019

Jorge Novis orienta homens e mulheres sobre métodos contraceptivos cirúrgicos



Atentos às explicações ministradas pelas enfermeiras e assistentes sociais do Hospital Municipal Dia Jorge Novis (HMJN), em Lauro de Freitas, mais de 50 homens e mulheres com mais de 25 anos e dois filhos conheceram métodos contraceptivos cirúrgicos através de orientações e palestras voltadas para o Planejamento Familiar. Todo conteúdo foi apresentado nesta sexta-feira (13), por meio de um bate-papo descontraído e cheio de informações na sala de reuniões da Igreja Matriz Nossa Senhora Catarina de Sena, na Itinga.
A coordenadora executiva da Secretaria Municipal de Saúde, Elisa Daltro, enfatizou a importância da prevenção de uma gestação indesejada. “O objetivo é orientar sobre o planejamento familiar e outros cuidados. Nós também tentamos desmitificar questões relacionadas à sexualidade. Muitos ainda acreditam que esses procedimentos afetam a vida sexual o que não é verdade, e frisar que tanto a laqueadura quanto a vasectomia são cirurgias de difícil reversão, ou seja, tanto o homem quanto a mulher devem estar certos de sua decisão”, explicou.
Durante todo o ano, nas Unidades de Saúde da Família, palestras de orientação são realizadas diariamente. Os interessados são encaminhados para o HMJN onde são feitos todos os exames e consultas necessárias para a realização do procedimento. De janeiro a novembro deste ano, a unidade realizou 111 vasectomias e 116 laqueaduras.
Nas mulheres, a laqueadura é uma cirurgia que bloqueia, liga ou corta as tubas uterinas (também chamadas de trompas), prolongamentos que conectam o útero aos ovários. Já nos homens, a vasectomia é a ligadura (fechamento) dos canais deferentes no homem. É uma pequena cirurgia feita com anestesia local em cima do escroto (saco), na qual é cortado o canal que leva os espermatozoides do testículo até outras glândulas que produzem o esperma (líquido) masculino. Ambos os procedimentos são realizados no HMJN, o paciente é operado e recebe alta no mesmo dia.
Com o filho caçula nos braços, a dona de casa Ana Célia diz que não vê a hora de realizar a laqueadura. “Já tenho 32 anos e três filhos, para mim já está bom. Sou realizada enquanto mãe, mas não pretendo ter mais”, disse. Para Luis dos Santos, homem também tem que se preocupar com o planejamento familiar. “Não é só responsabilidade da mulher. Nós também temos que estar atentos, porque filho é algo serio e para a vida toda”, falou, interessado na vasectomia.

Jornalista Giovanna Reyner
Foto Edgard Copque
ASCOM/PMLF
13/12/2019
Tel.: 3288 – 8371
www.laurodefreitas.ba.gov.br

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU