NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

Lauro de Freitas amplia oferta do tratamento para HIV/Aids com profilaxia inovadora

A Secretaria de Saúde de Lauro de Freitas (Sesa) vai ampliar as ações de prevenção à infecção pelo HIV com a oferta da Profilaxia Pré Exposição (PrEP) a partir de janeiro. O serviço que disponibiliza o antirretroviral no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) localizado no Centro, foi lançado na tarde desta quinta-feira (19), na Câmara Municipal de Lauro de Freitas com a presença de representantes de movimentos, sociedade civil e governo.

De acordo com o coordenador do CTA, Jean Santos, a PrEP é uma profilaxia que deve ser administrada diariamente. “Tomando com a periodicidade indicada, a PrEP impede que o vírus causador da AIDS infecte o organismo antes da pessoa ter contato com o vírus”, explicou ele falando dos medicamentos tenofovir +entricitabina que se unem formando um bloqueio em algumas vias que o HIV usa para infectar o organismo de uma pessoa.

O enfermeiro do equipamento, Ramon Campos, alerta que a combinação só funciona se ingerida diariamente, do contrário pode não haver concentração suficiente do medicamento na corrente sanguínea para o bloqueio do vírus. O Ministério da Saúde preconiza que a PrEP seja destinada a pessoas que possuem mais chances de contrair o HIV, como trabalhadores do sexo, pessoas que deixam de usar preservativos nas relações sexuais, apresenta episódios frequentes de Infecções Sexualmente Transmissíveis, faz uso repetido da PEP e outros.

Mesmo fazendo o uso da profilaxia, o usuário deve se prevenir quanto ao risco de contaminação de outras patologias. O coordenador com Programa Municipal de HIV/ AIDS e Hepatites Virais, Franklin Silva, alerta para a importância de continuar fazendo uso da camisinha. “Mesmo usando a PrEP a pessoa continua vulnerável a outros tipos de doenças, como sífilis e hepatites. Após a primeira semana de uso do antirretroviral diariamente, a pessoa esta imune a infecção pelo vírus HIV”, frisou.

Homenagem a ativista morto

Durante o ato de lançamento da PrEP, os servidores do CTA e ativistas lembraram a o assassinato de Alex Fraga ocorrida em abril deste ano. O jovem era coordenador do CTA e integrante do movimento LGBTQ+. Seu corpo foi encontrado com ferimentos de projétil de arma de fogo em Simões Filho.

Os movimentos pediram que o CTA leve o nome de Alex Fraga e redigiram uma carta que será entregue as autoridades pedindo justiça pela morte do ativista. “Alex era uma pessoa que lembramos com gratidão e singular na luta. Ele ligava para todos nós, se preocupava com nosso bem estar”, disse a pedagoga e representante de movimento Tiffany Odara.

Números

Em Lauro de Freitas há 676 pessoas soropositivas cadastradas no Serviço Assistência Especializada (SAE) em tratamento no CTA, destes pacientes 341 são do sexo masculino e 224 mulheres. A incidência maior é no bairro de Itinga, seguido por Vida Nova e Centro.

Profilaxia Pós Exposição é oferecida na UPA

Lauro de Freitas também oferece na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itinga, a Profilaxia Pós Exposição (PEP). A medida é uma prevenção de urgência à infecção pelo vírus HIV e consiste em reduzir riscos de adquirir a patologia.

A PEP deve ser iniciada o mais precocemente possível. O ideal é que a pessoa em risco faça uso do medicamento nas primeiras 2 horas após a exposição, tendo como limite as 72 horas subsequentes. A duração da PEP é de 28 dias. O esquema preferencial para PEP é: Tenofovir (TDF) + Lamivudina (3TC) + Dolutegravir (DTG). “Desde sua implantação em Lauro de Freitas no final de 2018, a PEP foi administrada a 27 homens e 33 mulheres. Nenhum deles contraiu o HIV”, informa Ramon.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU