NOTÍCIAS 24HS

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

Agradecimentos e pedidos de proteção marcaram Festa de Iemanjá em Buraquinho

Para onde se olhava na Praia de Buraquinho, na manhã deste domingo (2), o que se via era o branco das vestes do Povo de Santo que desde muito cedo ocupou as areias da praia para render homenagens e levar oferendas a Iemanjá. O cheiro de alfazema, já característico da festa, se somou ao som dos atabaques e aos agradecimentos a Rainha do Mar, além dos pedidos emocionados por paz, proteção e união.

A festa, que começou às 6h com alvorada de fogos, reuniu representantes dos terreiros de diversos bairros, turistas e moradores do município que circularam pelo caramanchão montado na praia para receber os presentes para Iemanjá. Após o cortejo marítimo, momento em que os presentes foram lançados ao mar, e que marca o encerramento da parte religiosa da festa, foram iniciadas as apresentações culturais com bandas de Lauro de Freitas.

1Depois de depositar um buquê de rosas amarelas e brancas para Iemanjá, Sílvia Reis, de Portão, falou porque esse dia é tão importante para ela. "Hoje é aniversário da minha mãe, ela faz 82 anos, e só não está aqui porque fez uma cirurgia. Tem 32 anos que eu ofereço essas rosas para Iemanjá, em homenagem a ela e a Oxum. Fico sempre muito agradecida, pois tudo que eu peço ela atende. Hoje estou pedindo pela saúde de minha mãe, que é de Ogum e filha de santo do Terreiro de Mãe Mirinha, mas também tenho muito que agradecer a Deus e aos Orixás”.

A prefeita Moema Gramacho destacou a importância dos terreiros e a beleza da festa. "Quero parabenizar a todos os terreiros e a equipe da secretaria de Cultura pela organização de uma festa tão linda, mas hoje o nosso maior agradecimento é à divindade das águas, Iemanjá, a quem rendemos nossas homenagens. Também é preciso dizer que nenhum governante faz nada sozinho, por isso sempre agradeço o papel desempenhado pelas religiões, que cada uma a seu modo, disseminam a cultura de paz."

Importante para a Humanidade

Para Mãe Lúcia, do Terreiro São Jorge da Goméia, a importância de Iemanjá ultrapassa as fronteiras das religiões de matriz africana. "Iemanjá é importante para o povo de Santo e o povo de axé, mas também é importante para a humanidade, que precisa salvar a água, presentear a água, seja ela doce ou salgada, porque é isso que nos mantem vivos e em equilíbrio. Nós de Candomblé entendemos a importância de tudo isso, por isso nesse dia nos reunimos para oferecer presente e rogar para que ela não nos falte, e que continue nos dando esse equilíbrio, que nos norteia e que norteia o mundo”

Pai Valdemir do Terreiro Santa Bárbara, destacou o que para ele são as principais características da festa, o amor e a busca pela paz. "Essa é uma festa muito importante para o povo das religiões de matriz africana, para mim é uma honra estar aqui, pois essa é uma festa dedicada ao amor e a paz, por isso depositamos as oferendas a Rainha do Mar, a senhora do Ayocá, deusa dos mares sagrados, pedindo paz, amor e muita felicidade.

A festa contou com o apoio da Prefeitura de Lauro de Freitas, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SECULT), e faz parte do Calendário Oficial de Eventos Culturais da cidade, aprovado pelo Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC). Para receberem recursos do fundo, os projetos têm de passar por aprovação da maioria dos membros do CMPC, do qual participam representantes do poder público e da sociedade civil.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Your Ad Spot

MAIN MENU